Diogo Magro Viegas

  • Licenciou-se em Artes Plásticas na Escola Superior de Artes e Design (Caldas da Rainha).
  • Integrou-se na residência artística “Mart”, em Lisboa, na qual participou em várias exposições coletivas.
  • Começando por Obstáculos para um novo saber na Casa Museu Nogueira da Silva, em Braga (2015); seguindo-se Vaga Luz na Casa Museu Medeiros e Almeida, em Lisboa (2015);
  • Colaborou com o projeto MUPI de Sandro Resende que consistia na impressão de flyers espalhados por Lisboa (2015);
  • Integrou a exposição coletiva Eco no Hotel Madrid, nas Caldas da Rainha (2015);
  • Participou no curso de Arte Urbana de Nuno Saraiva (2016);
  • Participou no Festival Silêncio também com Nuno Saraiva, com a realização de uma obra na Loja do Museu do Arroz (2016);
  • Estagiou numa galeria de arte japonesa (The Japanese Gallery) em Londres (2018).
  • Participou na Bienal de Espinho (2018);
  • Participou na Bienal de Cerveira (2019);
  • Trabalha atualmente no Museu Coleção Berardo em Lisboa (2019-atualidade).

 

O ARTISTA DIOGO MAGRO VIEGAS FALA SOBRE O SEU TRABALHO E A SUA EXPERÊNCIA NA RAMA