António Bokel

Nascido em 1978, no Rio de Janeiro, Antonio Bokel formou-se em design gráfico pela Universidade em 2004. Realizou a sua primeira exposição individual em 2003, na Ken’s Art Gallery, em Florença, Itália, onde residiu e fez cursos de fotografia e história da arte. No Rio de Janeiro, teve aulas de modelo vivo com Bandeira de Mello e fez cursos de pintura com João Magalhães e Luiz Ernesto, na Escola de Artes Visuais do Parque Lage. Ao longo das duas últimas décadas, tem apresentado seu trabalho no Brasil e no exterior.

Principais exposições:
2012 – “Gramática Urbana”, no Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica (Rio de Janeiro), curadoria de Vanda Klabin.
2013 – “Transfiguração do Rastro”, no Centro Municipal de Arte Hélio Oiticica (Rio de Janeiro), curadoria de Bruno Garcia.
2014 – “Na Periferia do Mundo”, no Centro Cultural da Justiça Federal (Rio de Janeiro), curadoria de Vanda Klabin.
2014 – Novas aquisições no Museu de Arte Moderna (MAM – Rio de Janeiro), curadoria de Luiz Camillo Ozorio.
2015 – “La Nature d’or”, na Galeria Mercedes Viegas (Rio de Janeiro), curadoria de Mario Gioia.
2016 – “Nada Além das Palavras”, Galeria Matias Brotas (Vitoria-ES), curadoria de Daniela Name.
2016 – “Point of View” (site specific), no Palácio da Pena (Sintra, Portugal), curadoria de Paulo Arraiano.
2017 – “Tudo que esta coberto”, na Galeria Aura (São Paulo), curadoria de Paulo Galinna.
2018 – “Ver Rever”, no Centro Cultural dos Correios (Rio de Janeiro), curadoria de Vanda Klabin.
2018 – “Inquiet(ação)”, na AM galeria (Belo Horizonte), curadoria de Vanda Klabin.
2019 – “Espaço entre as coisas” na galeria Mercedes Viegas (Rio de Janeiro), curadoria Sonia Salcedo Del Castillo.
2019 – “Pinta Plattaforms Project”, curadoria de Roc Laseca. (Miam-US).
2021 – “Paraíso Perdido” no Espaço Cultural Correios (Niterói), curadoria Ana Carolina Ralston.

Residências Artísticas:
2010 – AAAAA No Thing But Truth, na Sid Lee Collective Gallery (Amsterdam, Holanda).
2011 – ARTUR – Artistas Unidos em Residência (Lagos, Portugal).
2015 – Cidadela Art District (Cascais, Portugal).
2017 – React Contemporary (Angra do Heroismo, Ilha terceira, Açores).
Possui obras no acervo do MAR (Museu de arte do Rio), no MAM (Museu de arte moderna do Rio de Janeiro) e Coleção Gilberto Chateaubriand.
2015/2019 – Indicado ao Prêmio Pipa.

www.antoniobokel.com.br